Pesquise a sua casa passo a passo

SIGA OS SEGUINTES PASSOS PARA OBTER O SEU RELATÓRIO DE VALOR IMOBILIÁRIO

  • 1 Preencha o formulário abaixo com os dados do fogo cujo valor/renda pretende determinar.
  • 2 Confirme antes de submeter o formulário.
  • 3 Preencha os campos com os seus dados de contacto.
  • 4 Proceda ao pagamento eletrónico do serviço. Cada Relatório tem um preço de 30,00€.
  • 5 Os dados do imóvel serão reportados à Confidencial Imobiliário (Ci) que em 24 horas* devolve um relatório por via eletrónica. Antes de serem enviados, os resultados são validados por um técnico da Ci, recorrendo à análise estatística do mercado / tipologia selecionados.
  • * No caso de pedidos realizados aos sábados, domingos ou feriados, ou após as 18h00, as 24 horas contam-se a partir das 9h00 do 1º dia útil seguinte.

Notícia

Exclusividade e autenticidade são sinónimos de luxo

O segmento de luxo é hoje o que mais cresce em todo mundo e Portugal não é excepção, resume Filipa Frey-Ramos, diretora da Barnes Portugal

A procura por imóveis de luxo em Portugal atravessa uma dinâmica positiva. São cada vez mais frequentes as notícias que dão conta do interesse de personalidades internacionais na aquisição de residência em Lisboa. Para Filipa Frey-Ramos, diretora da Barnes Portugal, trata-se de “um segmento naturalmente exigente”, pois “quem procura luxo procura, para além de qualidade superior, autenticidade e exclusividade”.

São pontos obrigatórios “o carácter único e especial, a existência de elementos originais, uma história e um contexto privilegiados”. Aliás, remata, “o charme e a vista de Lisboa nunca foram tão procurados”.

Os preços alcançados no segmento refletem a exclusividade da aquisição. “No primeiro semestre o valor médio por imóvel comercializado pela Barnes Portugal foi de cerca de 1,5 milhões de euros”, disse Filipa Frey-Ramos. “Estamos no terceiro ano de atividade e em fase de crescimento intenso, tanto a nível do número de transações como no valor das mesmas”.

Mas quais os fatores que estão na origem desta tendência? “A evolução dos preços” e, “sobretudo, a evolução da procura, que tem observado um forte crescimento em todos os segmentos de mercado”. Filipa Frey-Ramos destaca ainda “a abertura da nossa boutique no Chiado, no Largo do teatro Nacional de São Carlos e uma maior implementação, que contribuiu para o aumento da notoriedade da marca Barnes International Realty em Portugal”.

Porém, não é também alheio “o facto de Lisboa estar na “moda” e de ter chamado atenção aos Ultra High Networth Individuals, que procuram cada vez mais Portugal como destino para residir e investir. E todos os que vêm acabam por convencer amigos e familiares a virem também”.



Lisboa lidera procura

As zonas mais procuradas são Lisboa e o seu triângulo dourado, desde o Marquês de Pombal até à zona ribeirinha, passando pelas colinas da zona histórica. Os valores por m2 para imóveis de gama alta começam nos 5000€/m2 e “podem chegar até aos dois dígitos”. Entre as zonas prime, o Chiado tem as duas ruas mais caras de Lisboa, onde encontramos imóveis à venda por quase 15.000€/m2.

A Barnes é uma empresa internacional com 20 anos de existência em França, Suíça e Bélgica, onde “trabalha um nicho de mercado” e “capta naturalmente um maior número de clientes estrangeiros, e sobretudo francófonos”. Entre este segmento, “alguns residem atualmente em outros países, como no Reino Unido, Emirados, Mónaco ou Estados Unidos da América”.

Tradicionalmente HNI e UHNI (Ultra High Netwoth Individuals) que têm já vários ativos imobiliários em diferentes países, estes pretendem diversificar património em diferentes moedas. “A Barnes ajuda-os na escolha e na gestão desses ativos nos principais destinos”.

Em Portugal procuram qualidade de vida, segurança e “em alguns casos também o anonimato”, assim como os benefícios fiscais de serem residentes não habituais. “Muitas vezes começam por investir num apartamento em Lisboa mas depois compram igualmente uma casa de férias na Comporta, Tróia, Cascais ou no Algarve, apartamentos para rendimento e também imóveis para promoção imobiliária”.

O Brexit pode igualmente abrir novas oportunidades a Portugal. “Londres é uma cidade multicultural e na verdade temos notado já algum movimento de recolocação de cidadãos franceses que moravam em Londres há mais de 15 anos, e que agora estão a escolher Lisboa para se fixar com as suas famílias”.

A consultora recebe ainda “clientes brasileiros, nórdicos e também turcos, que vêm à procura, para além dos benefícios fiscais e do acesso ao programa de Golden Visa, do clima, da simpatia e da segurança que o nosso país lhes proporciona”.

Porém, observa-se “um crescimento gradual do interesse e investimento nacional”, adianta Filipa Frey-Ramos. “Não nos podemos esquecer que os proprietários são sobretudo portugueses e que tendencialmente reinvestem em Portugal, tanto em imóveis para residir como para rendimento”.