Pesquise a sua casa passo a passo

SIGA OS SEGUINTES PASSOS PARA OBTER O SEU RELATÓRIO DE VALOR IMOBILIÁRIO

  • 1 Preencha o formulário abaixo com os dados do fogo cujo valor/renda pretende determinar.
  • 2 Confirme antes de submeter o formulário.
  • 3 Preencha os campos com os seus dados de contacto.
  • 4 Proceda ao pagamento eletrónico do serviço. Cada Relatório tem um preço de 30,00€.
  • 5 Os dados do imóvel serão reportados à Confidencial Imobiliário (Ci) que em 24 horas* devolve um relatório por via eletrónica. Antes de serem enviados, os resultados são validados por um técnico da Ci, recorrendo à análise estatística do mercado / tipologia selecionados.
  • * No caso de pedidos realizados aos sábados, domingos ou feriados, ou após as 18h00, as 24 horas contam-se a partir das 9h00 do 1º dia útil seguinte.

Notícia

Parque empresarial do Porto com perfil inadequado à procura

Porto Business Location Plataform (PBLP) apura que Boavista e Baixa são as localizações com as rendas médias de oferta mais elevadas

A oferta atual dos espaços empresariais do Porto carece de “uma operação de escala adequada de promoção de um parque de escritórios que responda ao mercado e concretize o potencial” da procura.

Segundo Ricardo Guimarães, diretor da Confidencial Imobiliário, “apesar da vasta oferta de espaços com potencial de ocupação empresarial na cidade, continua a existir uma falta de produto compatível com o perfil atual da procura” na cidade.

No âmbito do projeto Porto Business Location Plataform (PBLP), desenvolvido pela autarquia portuense, através da InvestPorto, e pela Confidencial Imobiliário, foi possível apurar que as zonas da Boavista e da Baixa são as localizações do Porto com as rendas médias de oferta mais elevadas para espaços empresariais.

A iniciativa identificou um universo de mais de 418 mil m2 de espaços edificados disponíveis para ocupação empresarial na cidade, dos quais 86% dizem respeito a armazéns e os restantes 14% a escritórios. A este volume, somam-se cerca de 620 mil m2 de terrenos com potencial para localização empresarial.

Este novo sistema de informação, que tem realizado um levantamento sistemático do parque de imóveis disponíveis com potencial para ocupação empresarial na cidade, revelou ainda que as rendas médias dos escritórios em oferta na Boavista em março deste ano eram de 12,3 euros/m2/mês e na Baixa situaram-se nos 11 euros/m2/mês. Já no caso dos armazéns, esses valores foram de 6,4 euros/m2/mês na Baixa, sendo que não foi identificado stock de armazéns disponíveis na zona da Boavista.

Por sua vez, Campanhã e a Zona Empresarial do Porto (ZEP) apresentam os valores mais contidos da cidade em ambos os segmentos. Os escritórios em oferta apresentam rendas médias de 10,3 euros/m2/mês em Campanhã e de 9,6 euros/m2/mês na ZEP. Nos armazéns, esses valores são de, respetivamente, 5,1 euros/m2/mês e de 4,4 euros/m2/mês.



Zona Oriental pode crescer

Estes dados vão de encontro ao estudo referente ao mercado de escritórios do Porto que havia sido apresentado pelas consultoras Predibisa e Cushman & Wakefield, segundo o qual apenas 10% da oferta disponível no Grande Porto é considerada de qualidade alta.

Por outro lado, apenas 13% da oferta existente no Grande Porto pertence a investidores institucionais. Eric van Leuwven, responsável da CW, afirmou que “o Porto vive um momento único da sua história, com a procura a crescer e a falta de escritórios a verificar-se”. E se a “oferta é maior do que se pensava, em termos de qualidade deixa a desejar”, com apenas 10% dos escritórios considerados de qualidade alta.

No mesmo estudo, é possível aferir que o Porto concentra a maioria da oferta dos concelhos analisados, com 55% do total, num stock de 800 mil m2 repartidos por mais de 200 edifícios. No Grande Porto, a oferta total é de 1,5 milhões de m2 de área bruta locável.

Predominam edifícios de pequena e média dimensão, sendo a zona oriental a que tem a dimensão média mais elevada, seguindo-se a Boavista. A zona oriental do Porto, englobando as freguesias de Bonfim e Campanhã, oferece grandes oportunidades de investimento na reabilitação de espaços industriais antigos para o reforço da oferta de escritórios de qualidade alta na cidade.