Pesquise a sua casa passo a passo

SIGA OS SEGUINTES PASSOS PARA OBTER O SEU RELATÓRIO DE VALOR IMOBILIÁRIO

  • 1 Preencha o formulário abaixo com os dados do fogo cujo valor/renda pretende determinar.
  • 2 Confirme antes de submeter o formulário.
  • 3 Preencha os campos com os seus dados de contacto.
  • 4 Proceda ao pagamento eletrónico do serviço. Cada Relatório tem um preço de 30,00€.
  • 5 Os dados do imóvel serão reportados à Confidencial Imobiliário (Ci) que em 24 horas* devolve um relatório por via eletrónica. Antes de serem enviados, os resultados são validados por um técnico da Ci, recorrendo à análise estatística do mercado / tipologia selecionados.
  • * No caso de pedidos realizados aos sábados, domingos ou feriados, ou após as 18h00, as 24 horas contam-se a partir das 9h00 do 1º dia útil seguinte.

Notícia

Sonae Sierra desenvolve estratégia de reciclagem de capital

Desde 2008, a Sonae Sierra tem vindo a implementar uma estratégia de reciclagem de capital, que consiste na venda, parcial ou total, dos seus ativos imobiliários, primeiro a nível internacional e posteriormente em Portugal. Esta estratégia permite que “a empresa continue a inovar e a desenvolver o seu negócio, e a criar valor para os seus acionistas e parceiros”, refere.

Atualmente, a Sonae Sierra gere e/ou comercializa um total de 74 centros, dos quais 36 na Península Ibérica (36 em Portugal e nove em Espanha).

A Sonae Sierra continua a ser um investidor de referência, ao mesmo tempo que reforça a sua estrutura de capital e mantém a gestão dos ativos. O sucesso das vendas que têm vindo a ser concretizadas “reflete a qualidade dos seus ativos” e “a capacidade da empresa para implementar ativamente a sua estratégia de reciclagem de capital para reinvestimento em novos projetos”.



Renovar, expandir, valorizar

Entre 2015 e 2016, a Sonae Sierra investiu cerca de 147 milhões de euros em expansões, renovações e reorganização do layout de alguns centros importantes do seu portefólio. De destacar a renovação total do centro Vasco da Gama, que representa um investimento de 12 milhões de euros e conclusão prevista em 2017. O objetivo foi “criar ambientes mais acolhedores e que privilegiem o conforto dos visitantes”. Para isso, “irá contemplar intervenções espaciais, tanto a nível interior como ao nível das esplanadas exteriores, permitindo potenciar ainda mais a localização privilegiada e a vista para o rio”.

A renovação total do CascaiShopping representa um investimento de 13,7 milhões que estará concluído em 2017. A primeira fase, inaugurada em maio, resultou na valorização do food-court através da criação de um novo conceito de restauração, o Cascais Kitchen, inspirado nas feiras e mercados tradicionais.

O Cascais Kitchen transformou uma área de passagem do centro comercial “numa zona dinâmica e rentável”. Apesar de a área total de arrendamento ter diminuído, “as rendas por m2 aumentaram em cerca de 630% em comparação com a configuração anterior, e o centro comercial registou benefícios imediatos, com um aumento de 3% no número de visitantes entre julho e dezembro de 2016 comparado com igual período do ano anterior”.

Importa ainda destacar a expansão do NorteShopping, um investimento de 60 milhões, com conclusão prevista para 2018, que irá permitir ampliar o centro em mais 15.000 m2 de Área Bruta Locável; e a expansão do Centro Colombo, que ainda não teve início, mas visa um aumento de 17.000 m2 de ABL e tem prevista a relocalização, reorganização e expansão da área da restauração, bem como a expansão da área de retalho, com o objetivo de reforçar o mix comercial e trazer novas insígnias para o centro. Trata-se de um investimento de 47 milhões de euros.

Em 2011, o LoureShopping iniciou um projeto piloto para reduzir o consumo de água. Com o novo sistema, o local recupera agora água das suas torres de arrefecimento e reutiliza a água da chuva nas suas casas de banho e torres de arrefecimento.

O projeto permite reutilizar mais de 6,250m3 de águas residuais e da chuva e reduz os custos em 6%, permitindo um retorno sobre o investimento em três anos e meio. Outros 10 centros comerciais da Sonae Sierra em Portugal (e 20 no seu portefólio global) já introduziram sistemas de recolha de águas pluviais e/ou sistemas de reutilização ou reciclagem.

Por sua vez, o fundo Iberia Coop, a parceria estratégica criada pela CBRE Global Investment Partners e pela Sonae Sierra, inaugurou este ano uma expansão no AlgarveShopping, com o objetivo de reforçar e melhorar a sua oferta comercial. O investimento de cerca de 4,5 milhões permitiu aumentar a área comercial em mais 1.500m2 e, em paralelo, remodelar uma área comercial já existente de 4.200 m2, proporcionando a melhoria e ampliação de sete lojas do segmento de moda e perfumaria.

No portefólio internacional, releva a renovação de dois centros no Brasil: o Uberlândia Shopping (em Uberlândia), com um investimento de 8,3 milhões, e o Parque D. Pedro (em Campinas), com um investimento de 5,8 milhões, ambos com conclusão prevista para 2017; e ainda a reorganização do layout do Loop5 (Alemanha), que representa num investimento de 8,7 milhões.