Nazaré: escassez de oferta torna loteamento Quinta do Campo mais apelativo

02/09/2020
Foto Central PI_1.jpg

Ao longo do século XX, a Nazaré evoluiu progressivamente de uma vila piscatória para uma vila dedicada ao turismo, sendo esta indústria uma das principais empregadoras da região. O concelho, com cerca de 15 mil habitantes e constituído pelas freguesias de Famalicão, Nazaré e Valado dos Frades, tem, no entanto, registado uma diversificação na sua atividade, em parte devido ao aumento da população residente fixa. A tendência de procurar ambientes mais desafogados, onde ao final do dia e fins de semana as famílias possam estar mais resguardadas e desfrutar do ambiente e do campo tem vindo a aumentar e esta zona geográfica não é exceção. Assim, nas últimas décadas, tem-se assistido à terciarização do tecido económico local, muito por força do incremento do turismo e da prestação de serviços associada. Contudo, o setor primário, e nomeadamente a agricultura, continua a ter um papel relevante nas freguesias de Famalicão e de Valado dos Frades, onde existem importantes explorações agrícolas, ligadas principalmente à hortofruticultura.

Esta vila de pescadores é (re)conhecida pela forma de receber, pelo casario branco, pelo traje tradicional, reflexo de aspetos culturais locais, e pela sua paisagem marítima inigualável. A Nazaré mantém-se como um dos destinos turísticos preferidos de portugueses e estrangeiros, e como um dos locais mais fotografados do país.

Loteamento em Valado de Frades

Neste contexto, o Millennium bcp tem disponível para venda o loteamento Quinta do Campo, em Valado de Frades. A localização destes lotes é uma mais-valia, já que coloca os seus compradores muito próximos das cidades do distrito, como Nazaré e Leiria.

A estratégia comercial de venda será lote a lote, a promotores ou construtores, que poderão também estar interessados pela compra conjunta de vários ou da totalidade do loteamento, no contexto de investimento. No entanto, o Banco não deixa de estar recetivo a qualquer proposta de compra que provenha diretamente de compradores finais.

O loteamento Quinta do Campo é composto por 42 lotes de terreno para construção de moradias unifamiliares geminadas, todas idênticas, de dois pisos acima do solo mais cave. Os lotes de terreno têm áreas que variam entre 234 e 311 m2, permitindo uma construção máxima acima do solo de 170 m2 e de 90 m2 abaixo do solo para garagem, por moradia. Destes 42 lotes de terreno, 10 têm já construções iniciadas e algumas delas em fase bem avançada de finalização.

Esta operação urbanística localiza-se na extrema ocidental de Valado de Frades, próxima da saída da A8, em direção à Nazaré, da qual dista cerca de 6km. Esta localização confere à urbanização uma mais-valia a considerar por quem tiver interesse por se libertar do quotidiano citadino, e desfrutar dos benefícios de viver numa moradia, com tranquilidade e ar livre.

Os 42 lotes urbanos encontram-se já registados na Conservatória do Registo Predial da Nazaré e inscritos na matriz a título de “Terrenos para a construção”. O loteamento está quase totalmente infraestruturado, mas o Banco assegurará a sua conclusão.

Carlos Nunes, responsável de vendas Retalho da Direção de Crédito Especializado e Imobiliário do Millennium bcp salientou ao Público Imobiliário precisamente o facto deste loteamento na Vila de Valado dos Frades localizar-se a menos de 15 minutos da Nazaré. “Esta proximidade e facilidade de acesso à Nazaré, a Alcobaça e até mesmo a Caldas da Rainha, tornam este loteamento uma excelente opção para primeira habitação para famílias que tenham a sua atividade profissional em alguma destas localidades, mas que depois regressam à sua casa, tranquila e afastada do meio urbano”.

Carlos Nunes reforça que na zona onde estes ativos se localizam, este tipo de oferta é escasso. “Existem outros loteamentos disponíveis, mas mais a norte, mais próximos da Marinha Grande. E esta é mais uma razão pela qual o loteamento do Millennium bcp ganha particular interesse pela zona em que se insere, sobretudo por poder servir várias localidades como primeira habitação”.

Adicionalmente, Carlos Nunes diz ser relevante destacar que a região ganhou, nos últimos anos, atratividade no turismo de surf, e também por esta via, o investimento poderá ser interessante numa perspetiva de oferta para arrendamento temporário.

O especialista é da opinião que este ativo é direcionado, quer para investidores/promotores que seguramente verão neste loteamento uma excelente oportunidade de negócio, uma vez que se trata de um tipo de oferta escasso na zona. No entanto, todo e qualquer comprador final poderá ser um excelente proponente.

“Não sentimos particular abrandamento no período de férias, pelo que contamos que com o regresso ao trabalho, o mercado mantenha o comportamento e de forma evolutiva, tal como acontece habitualmente no último quadrimestre de cada ano”.

Tatiana Correia, consultora da Century 21, reforçou ao Público Imobiliário o facto de a localização do ativo ser estratégica, não só por estar a dois minutos da A8 mas também por estar a 50 minutos de Lisboa. “É ideal para quem quer estar relativamente perto de Lisboa e ao lado da costa pela proximidade à Nazaré”. A ajudar a tudo isto, temos o facto “de as áreas das casas serem muito boas”, inseridas em lotes de terreno a partir de 234 m2 e com preços desde 24.500 euros. Tatiana Correia diz ainda que, por haver uma clara falta de oferta nesta geografia, a venda dos ativos seja relativamente fácil.