MERCADO

Vila Real, uma cidade dinâmica onde o interesse imobiliário aumenta

Vila Real avançou muito, nos últimos anos. Uma evolução sentida a todos os níveis e em todos os setores, desde a economia e o emprego à educação, passando pela ação social, pela mobilidade ou pela reabilitação urbana. Rui Santos, presidente da Câmara Municipal desta autarquia transmontana, admite ter, ainda, muitos reptos pela frente, nomeadamente a intervenção rodoviária, a recuperação da Central do Biel, o alargamento da rede de saneamento básico e a reabilitação do pavilhão da Escola Diogo Cão. “Estão a decorrer as obras de construção da nova aerogare no aeródromo, da Loja do Cidadão e de expansão da zona industrial. E estes são apenas alguns exemplos, de tanto que vai surgir em Vila Real no futuro próximo”, escreve o autarca no Boletim Municipal de Abril.

Constituído por 20 freguesias, e não obstante a cidade possuir uma feição urbana, o resto do concelho mantém características rurais bem marcadas. São dois os tipos de paisagem que predominam, desde a zona mais montanhosa das Serras do Marão e do Alvão, separadas pela terra verdejante e fértil do Vale da Campeã, e, para o Sul, já próximos do Douro, os vinhedos em socalco. Por toda a parte existem linhas de água que irrigam a área do concelho, com destaque para o Rio Corgo, que atravessa a cidade num pequeno, mas profundo vale. E é nas margens deste rio, um dos afluentes do Douro, que a cidade de Vila Real se ergue a cerca de 450 metros de altitude, numa região que revela indícios de ter sido habitada desde o Paleolítico.

Entrada para o Douro

Sendo uma das portas de entrada no Douro - Património da Humanidade, tem, assim, a seu favor a localização geográfica privilegiada, sendo um ponto de paragem obrigatória para quem quer conhecer o que de melhor a região e o seu turismo têm para oferecer: a gastronomia, a enologia, o património arquitetónico e natural, eventos desportivos e culturais de relevo e, não menos importante, a cordialidade das suas gentes. 

Multifacetada, Vila Real é uma das cidades portuguesas com mais tradições no Desporto Automóvel, realizando corridas urbanas desde 1931 até 1991. As chamadas "Corridas de Vila Real" constituíram durante muitos anos o mais importante cartaz turístico de Vila Real, sendo sem dúvida a marca distintiva desta cidade no panorama nacional e internacional. Este circuito nasceu em 1931, aproveitando as características de algumas estradas que ligavam o centro de Vila Real às imediações do famoso Palácio de Mateus.

Atualmente, Vila Real vive uma fase de crescente desenvolvimento, a nível industrial, comercial e dos serviços, com relevo para a saúde, o ensino e o turismo, apresentando-se como local de forte atração para o investimento. Também a nível externo, Vila Real tem vindo a desenvolver laços e projetos importantes, por exemplo na área da educação e turismo, nomeadamente no âmbito dos protocolos de geminação que tem com cidades como Osnabrück, Ourense, Mende e Grasse.

A cidade, que vive ainda de toda uma dinâmica ‘imposta’ pela Universidade de Trás-Os-Montes e Alto Douro (UTAD), luta, como de resto muitas outras urbes portuguesas, com a falta de oferta residencial e turística. Com uma procura tendencialmente a crescer, a cidade de Vila Real torna-se, assim, num local atrativo aos olhos dos investidores imobiliários.

Imóvel destinado a serviços, com dimensão e localização privilegiada em Vila Real

O imóvel que o Millennium bcp apresenta hoje ao mercado, corresponde a um espaço com licença de utilização destinada a serviços, bem localizado e com alguma versatilidade para a sua próxima utilização. Basta consultar a respetiva Câmara Municipal, para se concluir sobre o assunto e quem sabe, até desenhar-se, para este ativo, um projeto de hotel de charme onde a oferta poderá ser, atualmente reduzida. Sabemos que Vila Real é conhecida pela sua paisagem de grande beleza, sendo uma das portas de entrada no Douro e, por isso, uma paragem obrigatória e de estada mais demorada para se desfrutar da região.

Neste contexto, o ativo em destaque poderá fazer a diferença pela sua estrutura e dimensão, e pela sua localização, com frente para o largo de S. Pedro e também para a Rua 2º Sargento Belisário Augusto, no centro histórico de Vila Real.

Trata-se de um edifício de 3 pisos, resultado da unificação de 2 prédios. Um deles com rés do chão e 2 pisos superiores, sem área descoberta, e outro apenas de rés do chão, com ligação ao interior do outro e com um logradouro de 51 m2. No total, são 572,25 m2 de área bruta privativa, num edifício construído em 1995, com paredes de alvenaria resistente e pavimento de madeira, com boa qualidade de construção e de acabamentos, em bom estado de conservação, beneficiando de uma exposição em 3 frentes, que lhe confere bastante luminosidade interior ao longo de todo o dia. Atualmente, dispõe de uma boa disposição do espaço interior no contexto da atividade de serviços aí desenvolvida e tem a seguinte composição em qualquer dos pisos: espaço amplo, gabinetes, áreas de apoio e WC.

O Banco irá analisar propostas de compra para este imóvel, recebidas até às 17h do dia 22 de junho de 2022.

Visitas dias 14 e 20 de junho de 2022, com pré-agendamento junto do gestor do Millennium bcp, pelo e-mail adelino.brito@millenniumbcp.pt ou pelo telefone +351 917511474.

Preço Base: 800.000€

Concelho: Vila Real

Freguesia: Nossa Senhora da Conceição, São Pedro e São Dinis

Morada: Praça de São Pedro nº 3, 5000-605 Vila Real

Ref. 1087 | Lote: 285 m2; ABP: 572,25 m2; Logradouro: 51 m2 | Preço Base: 800.000€

Coordenadas GPS: 41.298944, -7.743722

Relacionados