Vencedores do Prémio Reabilita Braga são conhecidos a 10 de novembro

09/11/2020
Vencedores do Prémio Reabilita Braga são conhecidos a 10 de novembro

Depois de uma edição de arranque de grande sucesso, em 2018, o prémio bienal Reabilita Braga registou este ano um novo recorde de candidatos. Organizado pela Câmara Municipal de Braga, e a que se associa a Vida Imobiliária, esta iniciativa pretende promover os bons exemplos e as boas práticas de reabilitação urbana, bem como incentivar e premiar trabalhos académicos sobre Braga e relacionados com a reabilitação.

Será já hoje, dia 10 de novembro, a partir do Theatro Circo, com transmissão em direto e online, em reabilitabraga.pt, que serão conhecidos os vencedores da edição de 2020, nas categorias ‘Edificação’ e ‘Investigação’. A partir das 16 horas está prevista a intervenção de boas-vindas do presidente da Câmara Municipal de Braga. Ricardo Rio.

A cerimónia de entrega dos prémios será precedida de um debate moderado por António Gil Machado, diretor da Vida Imobiliária, e que conta com as participações de Miguel Bandeira, vereador da Regeneração Urbana e Ligação às Universidades da Câmara Municipal de Braga, de Bernardo Reis, provedor da Santa Casa da Misericórdia de Braga, de António Carlos, delegado distrital de Braga da Ordem dos Engenheiros, e dos vencedores da edição de 2018 do Prémio Reabilita Braga, a arquiteta Marta Campos e Filipe Ferreira, administrador da AOF. Um debate essencial para perceber o mercado de reabilitação, em especial, no centro urbano de Braga.

Projetar os bons exemplos de reabilitação urbana

Depois das 18 horas o programa menciona a entrega dos prémios da II edição do Reabilita Braga. Sobre o olhar criterioso do júri passaram uma dezena de candidatos, de pequena e grande escala, todos localizados no território municipal, sendo que a difícil decisão de escolher os melhores entre os melhores, coube a um júri constituído por sete personalidades de diferentes áreas. Na categoria ‘Edificação’ integram o júri Alexandre Basto, Isabel Silva, António Carlos Rodrigues, Ricardo Silva, e Miguel Bandeira, vereador da Regeneração Urbana e Ligação às Universidades da Câmara Municipal de Braga. Miguel Bandeira bisa na categoria ‘Investigação’ onde conta com as participações de José Alberto Rio Fernandes e Manuel Miranda.

Os prémios têm o valor de cinco mil euros para a categoria de ‘Investigação’. Já na categoria de ‘Edificação’, o júri atribuirá igualmente um prémio de cinco mil euros no caso da subcategoria ‘Nova Edificação’, e de 10 mil euros para a subcategoria ‘Reabilitação e Restauro’.

Saiba mais sobre o Reabilita Braga.