Vendas das últimas unidades do Pestana Tróia Eco Resort aumentaram

25/07/2020
20200505-GOPR0261.jpg

O mercado imobiliário português movimentou 1,4 mil milhões de euros no primeiro trimestre de 2020, registando um crescimento homólogo significativo em todos os segmentos. Segundo várias consultoras, os 1,4 mil milhões de euros de investimento imobiliário registados entre janeiro e março de 2020 traduzem um crescimento significativo por comparação com o mesmo período de 2019. A subir, neste primeiro trimestre de 2020, esteve o mercado residencial, tanto de usados como de novos. Lisboa, Porto e Algarve registaram preços médios mais altos em comparação com a média nacional, sendo de destacar a escassez da oferta de novas casas nas principais cidades e regiões do país.

Mas se os primeiros três meses do ano tiveram valores otimistas, o cenário de pandemia veio alterar todas as expectativas. O setor não tem ainda dados concretos e mensuráveis do efeito que o coronavírus está a ter no mercado, mas vários especialistas e líderes associativos do setor admitem que o abrandamento já se está a sentir.

Apesar do contexto de pandemia despoletado pela Covid-19, o Pestana Tróia Eco Resort & Residences duplicou o número de vendas e de faturação. A razão deste sucesso foram as várias ações de Marketing que a empresa realizou. Foram disponibilizados aos clientes opções de visitas virtuais ou presenciais, efetuadas com os devidos reforços das regras de prevenção e de higienização dos espaços. Com a implementação destas medidas, a marca transmitiu a todos os investidores, a segurança e confiança necessárias para visitarem as últimas Beach Villas disponíveis para venda.

A opção pelo Pestana Troia Eco Resort & Residences é determinada pela extraordinária localização, o regime de condomínio privado, com 2 km de praia, a par da garantia de serviço do Grupo Pestana.

O empreendimento dispõe de um clubhouse com ginásio, spa, piscina interior e exterior, sala de jogos e leitura, ciclovia, campos de padel e de ténis. O proprietário pode contar ainda com um Beach club com uma magnífica localização onde são servidas refeições ligeiras.

Minimizar o impacte ambiental, fazer um uso racional da água, reduzir o consumo de energia – 30% da energia é de origem solar – e reciclar são alguns dos princípios de sustentabilidade fundamentais neste Eco-Resort, único em Portugal.

Os compradores continuam a ser 90% portugueses sendo os restantes investidores espanhóis, franceses e brasileiros.

Troia tornou-se, ao longo dos últimos anos, uma região atrativa para investimentos imobiliários, sendo o sucesso das vendas de real estate notório pelo número de unidades comercializadas, com clara liderança pelo Pestana Troia Eco-Resort, em função do seu carácter diferenciado.

A pandemia da Covid-19 veio provocar um aumento da procura por imóveis em zonas mais tranquilas e seguras, com espaços amplos e áreas exteriores. O Pestana Tróia Eco Resort tornou-se, assim, uma excelente alternativa, com a sua extensão de praia e um pinhal de 100 hectares para desfrutar da natureza em pleno.